Como organizar com as crianças? Tem jeito?

Que tal a gente pensar em como organizar as coisas das crianças e ainda ensiná-las desde pequenas à se organizarem?

Vou mostrar como as mamães podem organizar as roupas e brinquedos da criançada pra facilitar a sua vida.

Primeiro eu quero explicar pra vocês a diferença entre organizar e arrumar.

Organizar as coisas é quase que como um evento. É algo que você faz uma vez. Você vai encontrar uma casinha pra cada objeto, cada coisa terá o seu lugar e alguns produtos organizadores podem ajudar a delimitar melhor esse lugar, como uma cerquinha para a casa.

A função da organização também é deixar tudo mais prático, mais à vista, para que você encontre com facilidade.

Arrumar é  dar uma solução provisória. Se você não organizou, provavelmente está tentando enxugar gelo colocando tudo que encontra na sua frente dentro de uma caixa. Isso é arrumar!

As coisas não terão lugar certo e você não vai encontrar o que precisa, na hora que precisa. O que causa stress, iriitação e faz com que você muitas vezes compre mais coisas achando que isso vai te ajudar a organizar (quando na verdade você vai arrumar).

Se você já organizou (encontrando uma casinha pra cada coisa) basta devolver as coisas pro lugar, e você pode fazer isso tirando 10/15 minutos por dia.

Com algumas técnicas e um pouco de criatividade a gente consegue criar casinhas pra tudo na nossa casa.

As roupas das crianças, por exemplo, ficam mais bem organizadas e fáceis de encontrar quando a gente usa umas técnicas de dobras e alguns produtos que delimitam o espaço.

Vou mostrar algumas formas de organizar as roupas da criançada:

Esses três closets são bem legais de se inspirar, mostram como podemos organizar os sapatinhos de forma categorizada, pendurar vestidos, casaquinhos e peças volumosas, fazer proveito de cestos como gavetas para roupas e até brinquedos, e até mesmo deixar uma pequena coleção de livros ao alcance das mãozinhas da criança.

Quando você dobra as roupas do mesmo tamanho, fica mais fácil de ver tudo o que você tem, e também fica mais bonito né?

Então vou mostrar como a gente pode dobrar as coisas do mesmo tamanho, pra ficar prático e lindo assim…  Aliás, essa ideia das figuras das peças é ótima pra ilustrar a criança que ainda não é alfabetizada 😉

Gabaritos: você pode usar qualquer coisa pra montar um gabarito (ou algo que você use como molde), uma pasta de documentos por exemplo, você corta do tamanho da gola e pronto.

  • Blusa infantil – dobra do tamanho da gola e depois coloca em pézinho, uma atrás da outra.
  • Colmeia – o que você coloca na gaveta um atrás do outro, pode ser colocado também em colméias, qeu são esses produtinhos aqui que preenchem sua gaveta ou prateleira de forma que tudo fique em pézinho e você tira e bota rapidinho na colmeia, ficando organizado.
  • Etiquetas – ajudam a identificar tudo que tem ali, sendo você que vai mexer ou não, alguém que está te ajudando
  • Conjunto –  crianças usam muito conjuntinho né? Então você pode deixar o armário todo montado com conjuntinhos, se quiser, isso vai facilitar a vida dos papais que forem vestir a criança na hora da festinha.

O conjuntinho pode ser enviado pra escola ou até pra casa da vovó, e pra isso você pode usar saquinhos ziploc, sabe? Assim você deixa tudo separadinho pra quem for usar. Isso facilita a vida do outro mas também facilita a sua, que não vai ter que ficar atendendo o telefone com um monte de gente perguntando que roupa coloca na criança… rsrsrs

Outra coisa que a criança tem muito é: brinquedo! Pois é, os brinquedos da criançada parecem que se proliferam na madrugada né?

Pra organizar isso tudo, deixar fácil pra criança encontrar e fácil de guardar, é preciso apenas um pouco de jeitinho e alguns truques de organização.

Você pode separar os brinquedos em caixas de plástico (já que elas são mais resistentes e podem ser lavadas). Você pode separar por tipo de brinquedos, por tipo de brincadeira. Eu sempre falo que é importante ver como a criança brinca. Eu posso querer separar uma caixa com as coisas do Toy Story e outra com os bonecas, mas vai que a criança gosta de colocar a boneca na historia do toy story. É importante ver com eles como eles gostam de brincar.

Deixe mais próximo da criança o que ela brinca mais. E uma dica extra é separar os brinquedos em 2 caixas: uma fica embaixo e outra em cima, de tempos em tempos, você troca essas caixas, já que as crianças enjoam rápido do que elas estão brincando.

Vou mostrar pra vocês alguns produtos que eu uso em quarto de criança ou brinquedoteca pra facilitar:

  • Caixas plásticas com travas: pra criança não sair derrubando tudo
  • Saco de brinquedo: isso é legal pra aqueles brinquedos tipo lego ou bonecos que a crinaça gosta de levar pra outro canto da casa pra brincar, ou até mesmo pra casa do coleguinha. Vc abre o saco, brinca com ele no chão tipo um tapete e depois fecha e vira uma mochilinha.
  • Baldes: esses baldes coloridos ficam bonitos no quarto da criança. Eles podem servir pra separar brinquedos e ainda pra criança levar os brinquedos pra onde ela vai brincar na casa, depois retornar com tudo pro quarto.
  • Caixas iguais pra jogos: se a criança tiver muitos joguinhos de caixa (lego e/ou jogos de tabuleiro) é comum que em pouco tempo as caixas fiquem todas desmanteladas né? Uma boa ideia é comprar caixas baixinhas e iguais pra que você coloque os jogos com o mesmo tipo de caixa. Fica facil de empilhar e de guardar, e ainda dura muito. Não esqueca apenas de colocar o rótulo do jogo na tampa da caixa, assim a criança identifica qual é a brincadeira.

Por último eu queria deixar um recado que é sempre importante, principalmente quando a gente fala de roupa e brinquedos de criança: desapego!

Criança perde roupa muito rápido e brinquedo é uma coisa que ela ganha o tempo todo né?

Fazer um descarte frequente, avaliando o que realmente serve pra criança, o que realmente  ela usa ou não é muito importante.

Mais importante ainda é envolver a crinaça com esse desapego. Fazer ela ter esse pensamento de doação, fazer ela dizer o que será doado, coinscientizar ela de que o coleguinha não tem uma roupinha, não tem um brinquedinho pra brincar e que aquilo que ele esta doando pode melhorar a vida de outra criança. Se possível, levar a criança pra doar essas coisas em algum lugar carente. Fazer a criança ver de perto que aquilo que sobra pra ela pode ajudar quem não tem.

Tudo sempre de forma lúdica e envolvendo a criança. Inclusive na hora da organização ok? Mostrar pra criança que ela deve guardar os brinquedos depois de brincar, porque senão ela não vai saber onde está amanhã. Enfim, dar limites. Impor limites é dar amor! Portanto, a organização vem pra ajudar a dar esse amor tão grande pro nossos pimpolhos.

 

Espero que tenha curtido esse guia e bora organizar essa criançada agora pra eles não sofrerem como adultos depois 😉

Um beijão,

Pri Sabóia


Priscila Sabóia

Sobre Priscila Sabóia

Priscila Sabóia, Personal Organizer
Sou organizada desde pequenininha, blogueira, empreendedora, mãe de cachorro, casada e moro no Rio de Janeiro, Brasil.

Comentários

comentários