Viagem no calor: como se organizar e não passar perrengue!

Gente, eu particularmente nunca tinha viajado em um calor tão intenso como o que peguei agora em Julho em Orlando. Não pra fora do país e com uma característica tão especifica. Eram 38 graus que acabavam com qualquer carioca “rata de praia”. Olha so solzão…

disney sol

O bom é que, quanto mais a gente viaja, mais aprende: levei pouca coisa e , na verdade, não deveria ter levado nada!

Você chega lá e é tudo super barato, você encontra coisas com a qualidade infinitamente melhor e em qualquer canto. Cada farmácia ou supermercado tem “de um tudo”! 

Bom, a viagem previa: um calor intenso, caminhadas de mais ou menos 6km por dia dentro dos parques, sobe e desce dos brinquedos, muita água (da chuva e dos brinquedos sem noção da Universal Studios), Outlets e Shoppings em promoção. Ah! E parques aquáticos também estavam na nossa programação. 

Quando cheguei, por exemplo, sempre ocorre um imprevisto né? Então é uma correria só… Mas eu que ja costumo deixar toda a parte de higiene pra ser comprada lá (porque assim eu compro coisas melhores e ocupo menos espaço na mala) já tratei logo de ir em uma farmácia mais próxima e me munir de alguns ítens indispensáveis (claro que olhei antes no Google Maps e vi que havia a melhor farmácia de todas Wallgreens do lado do meu hotel). Olha o que comprei:

– Protetor solar 100 (porque era sol na cabeça o dia todo); 
– Cerinha em bastão da Dr. School pro sapato não machucar o pé, porque afinal não há sapato na face da terra que não te machuque depois de 14h andando com ele;

dr scholl

– Capa de chuva (porque nessa época chove muito e se deixa pra comprar a capa da Disney, o seu dinheiro vai todo embora);

– Balinhas e chicletinhos deliciosos que só tem nos EUA (pra manter na bolsa sempre!!);

– Ítens da linha travel (adoro comprar essas coisas! Sou a louca dos itens travel size! Até kit costurinha tem…Kkkk). Compro várias coisinhas pequenas pra levar na bolsa pro parque ou em qualquer viagem;

costura

– Bolsinha pra não molhar o celular;

E claro, qualquer emergência você resolve na farmácia, por exemplo: se você quer boné, chapéu, arco, orelhas de Mickey, camiseta ou qualquer outra coisa da Disney, tem! 

Se você quiser comida pra levar pro quarto de hotel (porque afinal restam poucas forças pra jantar em algum lugar), tem!

Se você quiser qualquer remédio que resolve qualquer coisa em 10 minutos, tem! 

Enfim, amo farmácias americanas! (A loka!)

Bom, levei pouca roupa e tudo que levei secava muito rápido (pois ja havia lido sobre os brinquedos que molhavam muito e porque ficava mais fácil lavar em um dia e usar no outro, se fosse necessário).

Você acaba usando um short e uma camiseta por dia. Não há vergonha de sair do parque (meio mulambento, digamos assim) e ir pra um restaurante nos aredores. Todas as pessoas fazem isso e, sério, nós brasileiros normalmente vamos até bem vestidos demais pros parques. Também levei biquíni pois nós fomos aos parques aquáticos e não tinha como comprar um biquíni americano.

eunosol

Usei bastante sapatilha da Crocs e chinelo havaiana (sapatilha bonitinha tá? Porque existe sapatilha Crocs bonita. Não venham me zoar!).

Acho que é isso! Esse tipo de organização vale pra qualquer viagem no calor, pois é muito fácil levar pouca coisa na mala em uma viagem que você pode lavar as roupas e elas secam.

Foi a primeira vez que viajei nesse calorão e adorei! Bem mais prático.